Presidente Dilma discursa na ONU

Presidente Dilma discursa na ONU

0 524

Em discurso na ONU, presidenta brasileira, Dilma Roussef, lembra que é a primeira mulher a abriu a sessão de debates na Casa.
Diz que o Brasil reduziu em 70% o desmatamento.
Critica os Estados Unidos e aliados, pelos ataques a EI e diz que o Brasil opta pela solução dialogada de conflitos.
Disse.
Segundo ela, agressões sem sustentação aparentemente podem fornecer ganhos imediatos, mas depois causam enormes prejuízos e turbulências. “E o caso do Iraque, está provado lá, na Líbia, a consequência da Líbia no Sael. Eu acredito na mesma coisa na Faixa de Gaza. Nós repudiamos sempre o morticínio e a agressão dos dois lados, e não acreditamos que seja eficaz. O Brasil é contra todas as agressões”, completou.
Dilma aproveitou a questão para mais uma vez defender a expansão do Conselho de Segurança da ONU, um antigo pleito brasileiro. “Ele tem que ter mais representatividade para impedir essa paralisia do conselho diante do aumento dos conflitos em todas as regiões do mundo”, declarou. Ela afirmou ainda que falará sobre o tema em seu discurso na abertura da Assembleia Geral e defenderá a posição do Brasil.

Fundo Soberano do Brasil

A presidente defendeu o saque de R$3.5 bilhões do Fundo Soberano do Brasil, dizendo-se estarrecida com os questionamentos em torno da questão e afirmando que foi criado justamente como reserva para momentos em que a economia desacelera.

SEM COMENTÁRIOS

Deixar uma resposta