O rim do americano!

O rim do americano!

0 144

Aconteceu, esta semana, o encontro do G-20, os 20 países considerados mais influentes no mundo e convidados.
Na ocasião, o presidente brasileiro buscou capitalizar seus encontros, apesar dos tropeços, antecipados, ocorrido com as críticas da Primeira Ministra Alemã, Angela Merkel e o presidente da França, Emanuele Macron que teceram críticas à posição do governo brasileiro em relação à sua política ambiental.
Jair Bolsonaro, por sua vez, procurou tornar o encontro o mais produtivo o possível e, um dos fatores que o favoreceram, foi justamente, este clima de animosidade ocorrido antes da cúpula. A bem que se diga, previamente plantado, didaticamente implantado ao que parece,  e lá, por seus adversários ideológicos e seguramente apoderados.

Bolsonaro tratou com Sarkozi, com Xi Ximping e com Trump, entre outros. Amenizou desavenças, afirmou responsabilidades e traçou planos conjunto para o futuro. Claro, não deixou de cortejar e bastante o amigo americano, dono do maior cofre do globo, o Donald.
Certamente fará mais e melhor do que a expectativa que se tinha dele neste evento.

SEM COMENTÁRIOS

Deixar uma resposta