Que linda a minha terra…

Que linda a minha terra…

0 568

   No Mato Grosso, de tanta exuberância, tantos riquezas exótica, o clima, por alguns meses do ano, deixa quem não o conhece, amolado.
A ausência da chuva, a temperatura altíssima, a falta de oxigênio devido à altitude, o amarelado das folhas secas do serrado, tudo deixa estranho. As casas, ainda há pouco tempo, as de madeira, não tinham forro, a mode o grande calor que faz por àquelas bandas.
Depois de um período, retornando ao Rio Grande, já chegando no Paraná, saindo daquele calor imenso, deparo-me com um imenso tapete verde á minha frente, neblina e descubro então, porque moro em um paraíso, ao sul do país.

SEM COMENTÁRIOS

Deixar uma resposta